Fogos de artifício estão proibidos ou não?

Depois de haver muitos casos de danos à saúde dos pets nas festas de final de ano, finalmente muitas cidades, principalmente litorâneas, sancionaram a lei que proíbe a soltura de fogos de artifício com som nas festas de final de ano.

Mas, a dúvida que fica é, por que exatamente os cachorros e gatos têm tanto medo do som dos fogos de artifícios?

Neste artigo vou te contar esse segredo para que você possa se prevenir sempre que estiver chegando próximo a essas datas.

A criação dos fogos de artifício foi a dois mil anos atrás e pela magia da explosão e sons foram associados a datas festivas para espantar os maus espíritos.

Assim como muitas outras, essa cultura vem sendo praticada até hoje. O problema é que somente agora, depois de dois mil anos, que foram aprimoradas de acordo com o crescimento da população pet

Hoje temos cachorros e gatos em um número muito maior que na época e também refinamos os cuidados. E isso os torna naturalmente um pouco mais frágeis.

Pela natureza canina o cachorro pode ouvir o dobro que um humano!!!!

Durante o dia temos barulhos de pessoas martelando, bebês chorando, música no apartamento do vizinho que por longas horas nos deixam malucos, os cães ouvem muito mais alto e mais nítido que nós.

Agora imagina o som dos fogos de artifício que já são altos para nós, imagina para seu pet? 

Vamos acrescentar algumas circunstâncias que vai deixar bem claro que nossos pets estão cobertos de razão quando se assustam e tem medos destes estrondos.

Os fogos acontecem sem aviso prévio, repentinamente. 

Como nossos pets não escutam esses sons rotineiramente, eles não reconhecem quando acontece e são pegos de surpresa. Por não identificarem se assustam.

Eles fogem quando começam os fogos?

Imagine você no meio da multidão, ouvindo sons desconhecidos, seguidos de explosões de luz, sem poder prever? Eu e você estaríamos correndo também, sem dúvida. 

Mas, durante as festas na rua, não existe lugar sem sons e festas e isso atordoa seu senso de direção.

Nos gatos, as vibrações dos sons afetam seus bigodes e isso faz com que eles fujam do som e se percam com facilidade.

Assine e receba gratuitamente nossa Revista Play Pet Digital

Tremores sem controle

Nós, humanos, ao percebermos que estamos com medo, procuramos manter a calma usando nosso equilíbrio emocional. O cachorro e o gato não tem essa inteligência emocional, eles possuem somente o instinto.

Por isso, o tremor é medo genuíno e incontrolável, porque estão desorientados e não podem sair de onde estão.

Expor seu pet a essas situações propositalmente chega a ser tortura.

Por isso é tão importante perguntar ao hotel, pousada, clube ou na casa onde irá passar as festas se haverá fogos de artifício. 

Caso haja, recomendo deixar seus pets em hoteizinhos para cachorros. Existem algumas opções que ficam afastadas da cidade justamente para não ter interferência sonora e acabar agitando os bichanos.

Os hotéis nessa época se preparam para recebê-los com todo conforto e amor. E hospedá-los num local apropriado pode ser a maior prova de amor.

Lembre-se: seu pet não tem consciência que é final de ano, para ele é um dia normal.

E deixa-lo em um hotelzinho é como se fosse um “acampamento de férias” para ele.

Ele vai interagir e brincar com outros pets e quem sabe fazer grandes amizades para nas festas do ano que vem encontrar seus amigos assim como seus humanos fazem anualmente.

Se ainda ficou com dúvida, deixe nos comentários.

Seu pet também sofre com os fogos de artifício?

Sobre o Autor

Deixe uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 + 12 =

Cadastre-se e acesse nossa Revista Play Pet Digital

Fique atualizado sobre as novidades do mundo pet e todos os serviços a sua disposição.

Eu Aceito as Políticas de Privacidade.